view: contents - template: fulltext
SEG01
TER02
QUA03
QUI04
SEX05
SAB 06
DOM 07
SEG08
TER09
QUA10
QUI11
SEX12
SAB 13
DOM 14
SEG15
TER16
QUA17
QUI18
SEX19
SAB 20
DOM 21
SEG22
TER23
QUA24
QUI25
SEX26
SAB 27
DOM 28
SEG29
TER30
QUA31
Versão revista

Lista 0414/2018

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO
SERRA - 3ª VARA DE FAMÍLIA

JUIZ(A) DE DIREITO: DRº MARIA IGNEZ DE ANDRADE BERMUDES
CHEFE DE SECRETARIA: AMANDA MARIA VILLELA BITTENCOURT


Lista: 0414/2018


1 - 0019673-11.2015.8.08.0048 - Busca e Apreensão
Requerente: P.D.S.G.P.D.O.
Requerido: J.G.P.D.O.

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 14111/ES - NARCISO FERREIRA LINHARES
Requerido: J.G.P.D.O.

Para tomar ciência da sentença:
Ante o exposto, JULGO EXTINTO O PROCESSO SEM RESOLUÇÃO DE MÉRITO, por falta de interesse processual superveniente, na forma do art. 485, VI do Novo Código de Processo Civil. Condeno a parte autora ao pagamento das custas processuais, ficando suspensa a exigibilidade, nos termos do artigo 98, § 3º, do NCPC, em face da assistência judiciária gratuita que ora defiro. Não há causa para honorários advocatícios sucumbenciais. Notifique-se o ERMP, tendo em vista a existência de interesse de incapaz, nos termos do art. 698 do NCPC. P.R.I. Após o trânsito em julgado, arquivem-se os autos.


2 - 0004976-77.2018.8.08.0048 - Divórcio Litigioso
Requerente: J.J.D.
Requerido: E.G.D.S.D.

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 25473/ES - MARCUS VINICIUS BARBOSA DOS SANTOS
Requerente: J.J.D.
Requerido: E.G.D.S.D.
Advogado(a): 11842/ES - MARIA DA PENHA KAPITZKY DIAS
Requerente: J.J.D.
Requerido: E.G.D.S.D.

Para tomar ciência da sentença:
Ante as considerações acima descritas e a Emenda Constitucional nº 66, publicada no Diário Oficial da União de 14/07/2010, o divórcio consensual segue o procedimento previsto no art. 731 do Código de Processo Civil. Pelo exposto, HOMOLOGO, por sentença para que produza seus jurídicos e legais efeitos, o acordo celebrado pelos cônjuges, constantes do termo de fls. 25/26, rerratificado às fls. 39/40, uma vez que foi informado que as partes já realizaram a partilha do bem extrajudicialmente e alteraram a cláusula de alimentos em favor dos filhos maiores, eis que observado o disposto no artigo 226 §6º da CF com a nova redação dada pela Emenda Constitucional nº 66 de 2010, combinado com o artigo 731 do Novo Código de Processo Civil e, por consequência, DECRETO a dissolução da sociedade conjugal, pelo DIVÓRCIO do casal... e ...A divorcianda voltará a usar o nome de solteira.   Extingo o processo com apreciação de mérito, na forma do art. 487, inc. I e III, “b” do Código de Processo Civil.   Custas pro rata (art. 88, do NCPC), ficando suspensa a exigibilidade, nos termos do artigo 98, § 3º, do NCPC, em face da assistência judiciária gratuita deferida ao divorciando à fl. 14 e verso, benefício que estendo a divorcianda. Não há causa para honorários advocatícios sucumbenciais.   Deixo de determinar a intimação do ERMP, tendo em vista não se enquadrar sua intervenção nas hipóteses elencadas pelo artigo 698 do NCPC.   Quanto aos honorários para a Defensora dativa nomeada às fls. 25/26:   Tendo em vista os termos da sessão de mediação e conciliação de fls. 25/26que nomeou a Defensora Dativa em favor do autor, ARBITRO os honorários a serem pagos pelo Estado do Espírito Santo, em favor da Advogada Dativa, .... no valor de R$ 300,00 (trezentos reais), ex vi do art. 2º, inciso II, do Decreto 2821-R de 10 de julho de 2011, publicado no Diário Oficial dos Poderes do Estado de 11 de agosto de 2011.   Intime-se a Procuradoria Geral do Estado do Espírito Santo.   P.R.I., Tendo em vista o pedido de dispensa do prazo recursal, no item 05 do termo de fls. 25/26, defiro o pedido de dispensa do prazo recursal, desde já, ficando certificado o trânsito em julgado desta e, especialmente, objetivando atender ao princípio da eficiência prevista no art. 8º do NCPC, atribuo a presente sentença força de OFÍCIO/MANDADO DE AVERBAÇÃOdevendo o mesmo ser remetido via malote digital, FAZENDO PARTE INTEGRANTE O TERMO DE FLS. 25/26 E PETIÇÃO DE FLS. 39/40 E DETERMINO AO SR. OFICIAL DO CARTÓRIO QUE AS PARTES SE CASARAM QUE PROCEDA À AVERBAÇÃO DO DIVORCIO DO CASAL, RESTANDO CLARO, QUE FOI DEFERIDA ÀS PARTES A GRATUIDADE DE JUSTIÇA.   Diligencie-se a Sra. Chefe de Secretaria o cumprimento das regras contidas no Ofício Circular 101/2014, da Egrégia Corregedoria Geral da Justiça do Estado do Espírito Santo.   Serve a presente sentença como OFÍCIO ao Doutor Procurador Geral do Estado do Espírito Santo, REQUISITANDO-SE o pagamento de honorários advocatícios acima fixados em favor da Advogada Dativa, ...., defensora dativa, nomeada pelo Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos – 1º Centro Judiciário de Conflitos e Cidadania do ES - CEJUSC, na forma do Decreto 2821-R de 10 de julho de 2011, publicado no Diário Oficial dos Poderes do Estado de 11 de agosto de 2011.   Tudo feito, arquive-se.  


3 - 0019413-31.2015.8.08.0048 - Procedimento Comum
Requerente: J.F.R.
Requerido: P.S.D.J.

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 009464/ES - RODRIGO BRAGA LEMOS
Requerente: J.F.R.
Para ciência, de certidão negativa da juntada do mandado fl 137 bem como, para informar endereço atualizado da parte requerente, no prazo de lei.
                                                                                       


4 - 0010233-83.2018.8.08.0048 - Execução de Alimentos
Exequente: E.C.S.D.M. e outros
Executado: G.M.D.S.

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 25270/ES - CAIO CESAR VALIATTI PASSAMAI
Exequente: E.C.S.D.M.

Para tomar ciência da decisão:
PROCESSO Nº 0010233-83.2018.8.08.0048 CUMPRIMENTO DE SENTENÇA POR COAÇÃO PESSOAL (NCPC, art. 528)  
DECISÃO / MANDADO
    1. Acolho à emenda de fl. 42.   2. Intime-se o exequente, por seu patrono, para cumprir integralmente a decisão de fls. 36/36v, devendo para tanto, juntar aos autos declaração de hipossuficiência, no prazo de 05(cinco) dias, sob pena de indeferimento da assistência judiciária gratuita, tendo em vista que, embora faça o requerimento da juntada da referida declaração na petição de fl. 42, não a anexou aos autos.     Serra/ES, 4 de outubro de 2018.     MARIA IGNEZ DE ANDRADE BERMUDES JUÍZA DE DIREITO  
 


5 - 0008027-67.2016.8.08.0048 - Cumprimento de sentença
Exequente: J.V.N.R.D.S. e outros
Executado: W.R.D.S.

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 9160/ES - BRUNO RIBEIRO DE SOUZA BENEZATH
Exequente: J.V.N.R.D.S.
Exequente: J.N.C.D.N.

Para tomar ciência da decisão:
PN 0008027-67.2016.8.08.0048 CUMPRIMENTO DE SENTENÇA POR EXPROPRIAÇÃO  
DECISÃO / OFÍCIO / URGENTE
  Trata-se de cumprimento de sentença ajuizado por J.V.N.R.S., menor, representado por Juliana Nicácio Corrêa do Nascimento em face de WESLEY RAMIRES DA SILVA.   Intimado o executado à fl. 32, não se manifestou, conforme certidão de fl.33.   Intimado o exequente, requereu que fosse efetuado o bloqueio de valores junto ao sistema BACEN-JUD, bem como, oficiado à Caixa Econômica Federal, para que informasse a existência de valores depositados a título de FGTS em nome do devedor, bloqueando-se o valor referente a presente execução. Requereu, ainda, que fosse oficiado ao DETRAN, bem como, a inclusão do nome do devedor no SPC e SERASA.   Cálculo elaborado pela contadoria do juízo à fl. 38.   Deferida a penhora online via BACEN-JUD à fl. 39   É o que interessa ao relatório. Decido.   Tendo em vista que a penhora online restou infrutífera, conforme se vê do documento que ora junto, passo a apreciar o pedido de penhora de saldo de FGTS.   Quanto ao pedido de penhora de FGTS:   O Superior Tribunal de Justiça já firmou entendimento sobre a possibilidade da penhora recair sobre os valores constantes na conta do trabalhador em que restou depositado o FGTS para fazer frente ao débito alimentar devido.   RECURSO ESPECIAL - AÇÃO DE EXECUÇÃO DE DÉBITO ALIMENTAR - PENHORA DE NUMERÁRIO CONSTANTE NO FUNDO DE GARANTIA POR TEMPO DE SERVIÇO (FGTS) EM NOME DO TRABALHADOR/ALIMENTANTE - COMPETÊNCIA DAS TURMAS DA SEGUNDA SEÇÃO - VERIFICAÇÃO - HIPÓTESES DE LEVANTAMENTO DO FGTS - ROL LEGAL EXEMPLIFICATIVO - PRECEDENTES - SUBSISTÊNCIA DO ALIMENTANDO - LEVANTAMENTO DO FGTS - POSSIBILIDADE - PRECEDENTES - RECURSO ESPECIAL PROVIDO. I - A questão jurídica consistente na admissão ou não de penhora de numerário constante do FGTS para quitação de débito, no caso, alimentar, por decorrer da relação jurídica originária afeta à competência desta c. Turma (obrigação alimentar), deve, de igual forma ser conhecida e julgada por qualquer dos órgãos fracionários da Segunda Seção desta a. Corte; II - Da análise das hipóteses previstas no artigo 20 da Lei n. 8.036/90, é possível aferir seu caráter exemplificativo, na medida em que não se afigura razoável compreender que o rol legal abarque todas as situações fáticas, com a mesma razão de ser, qual seja, a proteção do trabalhador e de seus dependentes em determinadas e urgentes circunstâncias da vida que demandem maior apoio financeiro; III - Irretorquível o entendimento de que a prestação dos alimentos, por envolver a própria subsistência dos dependentes do trabalhador, deve ser necessariamente atendida, ainda que, para tanto, proceda-se ao levantamento do FGTS do trabalhador; IV - Recurso Especial provido. (REsp 1083061 / RS RECURSO ESPECIAL 2008/0187911-5 Relator(a) Ministro MASSAMI UYEDA)   Tendo em vista que a penhora on-line deferida nesses autos não restou frutífera e diante do acima exposto, serve a presente decisão como ofício para que a Caixa Econômica Federal proceda o bloqueio/penhora na conta do FGTS do Sr. WESLEY RAMIRES DA SILVA, filho de Maria Eronita Ramires da Silva, CPF 04.213.875-95, do valor de R$ 929,27 (novecentos e vinte e nove reais e vinte e sete centavos).   Deixo de analisar os demais pedidos ante a possibilidade de penhora do valor depositado a título de FGTS, em nome do devedor.   Intime-se.   Diligencie-se.   Serra/ES,05 de outubro de 2018.     MARIA IGNEZ DE ANDRADE BERMUDES JUÍZA DE DIREITO tmal


6 - 0015078-32.2016.8.08.0048 - Divórcio Consensual
Requerente: E.S.D.P.N. e outros

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 18594/ES - SIDIRLEY SOEIRO DE CASTRO
Requerente: J.C.N.
Requerente: E.S.D.P.N.

Para tomar ciência da decisão:
1. Defiro o requerimento de fls. 50/51. 2. Oficie-se com urgência. 3. Intime-se. 4. Não havendo outros requerimentos, retornem os autos ao arquivo.




SERRA, 10 DE OUTUBRO DE 2018

AMANDA MARIA VILLELA BITTENCOURT
CHEFE DE SECRETARIA

Lista 0415/2018

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO
SERRA - 3ª VARA DE FAMÍLIA

JUIZ(A) DE DIREITO: DRº MARIA IGNEZ DE ANDRADE BERMUDES
CHEFE DE SECRETARIA: AMANDA MARIA VILLELA BITTENCOURT


Lista: 0415/2018


1 - 0016833-57.2017.8.08.0048 - Divórcio Litigioso
Requerente: R.Z.D.J.
Requerido: A.S.D.J.

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 15765/ES - JULIANA ARIVABENE GUIMARAES
Requerido: A.S.D.J.
Advogado(a): 5777/ES - LUIZ CLAUDIO POSSATTO LYRA
Requerente: R.Z.D.J.
Para comparecerem em cartório, a fim de tomarem ciência do relatório de Estudo Social de fls. 176/181 dos autos, e requererem o que entenderem de direito, no prazo de 05 dias.




SERRA, 10 DE OUTUBRO DE 2018

AMANDA MARIA VILLELA BITTENCOURT
CHEFE DE SECRETARIA

Lista 0416/2018

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO
SERRA - 3ª VARA DE FAMÍLIA

JUIZ(A) DE DIREITO: DRº MARIA IGNEZ DE ANDRADE BERMUDES
CHEFE DE SECRETARIA: AMANDA MARIA VILLELA BITTENCOURT


Lista: 0416/2018


1 - 0014784-43.2017.8.08.0048 - Divórcio Litigioso
Requerente: L.S.S.
Requerido: J.P.R.S.S.

Intimo os(as) Drs(as) advogados(as)
Advogado(a): 007457/ES - ADEMIR JOSE DA SILVA
Requerido: J.P.R.S.S.

Para tomar ciência da decisão:
PROCESSO Nº 0014784-43.2017.8.08.0048  
DECISÃO – URGENTE
Vistos, etc...   Trata-se de AÇÃO DE DIVÓRCIO LITIGIOSO.   Designada audiência de conciliação e determinada a citação da ré e intimação das partes às fls. 66/66v.   À fl. 87, o patrono da ré requereu a redesignação da audiência designada, em razão de ter sido intimado anteriormente para comparecer à audiência no Juízo de Cariacica/ES, designada para o mesmo dia, às 13:30 horas, conforme documento de fl. 88, que juntou aos autos.   É o breve relatório. Decido.   Defiro o pedido de redesignação da audiência, entendendo justificado o postulado, com base no art. 362, II do NCPC e na ampla jurisprudência que entende que constitui cerceamento de defesa o indeferimento de adiamento de audiência quando o advogado comprova que tem outra audiência no mesmo horário, notadamente, quando para a outra audiência tiver sido intimado anteriormente.   Assim, redesigno a audiência de conciliação para o dia 19/02/2019, às 14:00 horas, a realizar-se na terceira Vara de Família, no Fórum Cível da Serra/ES, nos autos da AÇÃO DE DIVÓRCIO LITIGIOSO de número supramencionado.   Intimem-se.   Diligencie-se. Serra/ES, 8 de outubro de 2018.   MARIA IGNEZ DE ANDRADE BERMUDES JUÍZA DE DIREITO tmal




SERRA, 10 DE OUTUBRO DE 2018

AMANDA MARIA VILLELA BITTENCOURT
CHEFE DE SECRETARIA